Pesquisa da ACSO aponta expectativa de vendas para a Páscoa

Estudo mostra que os consumidores preferem barras de chocolate ao invés dos ovos – preço é fator determinante

Apesar do momento de incertezas que a pandemia está causando nas pessoas, a pesquisa da Associação Comercial de Sorocaba apontou que 36% dos entrevistados pretendem fazer compras de Páscoa neste ano, 30,8% não irão comprar chocolates e 33% ainda estão indecisos.

Dos ouvidos, 53% afirmaram que compraram ovos e peixes nesta data comemorativa no ano passado em Sorocaba. Segundo o estudo, estes resultados são consequência de como a economia foi duramente afetada pelo avanço da Covid-19, onde as pessoas se veem numa crise nunca antes vivida, com alto grau de incertezas em relação ao futuro, passando a segurar alguns gastos e, consequentemente, diminuindo o consumo de alguns itens considerados supérfluos.

A pesquisa apontou também a tendência de queda no consumo de ovos de chocolate. 69% dos entrevistados pretendem comprar ovos caseiros e 75,5% ficarão com as barras de chocolates e/ou bombons. Para os economistas, este comportamento é facilmente explicado pela comparação dos preços.

Quanto ao local escolhido para as compras de Páscoa, a maioria, 54,8%, afirmou que irão aos supermercados, 23,7% no comércio em geral ou em produtores de ovos artesanais que fazem delivery e 15,1% na internet.

Quanto aos valores a serem direcionados para o consumo, a expectativa será de gastar aproximadamente R$ 62,00, valor menor que o despendido no ano passado já que, novamente neste período da Páscoa, novas medidas de restrição de circulação das pessoas foram impostas pelas autoridades em resposta ao avanço da pandemia.



Ler Mais